Chokito: exemplo de uma péssima adoção, mas que conseguiu ser salvo por sua protetora

Chokito 2

O Chokito foi abandonado, ainda bebezinho, num Parque da cidade, e resgatado a tempo pela médica e protetora dos animais, Dra. Preci Grohmann, que fazia um trabalho voluntário naquele local. Salvo dos inúmeros perigos daquele parque, foi colocado para adoção num gaiolão espaçoso e confortável, numa pet shop parceira, onde os gatos eram doados mediante critérios rigorosos de adoção responsável, e os adotantes se comprometiam a tratar os gatos com respeito e carinho, não permitir seu acesso à rua (onde ficam à mercê de doenças fatais, atropelamento, envenenamento, crueldades etc.), e JAMAIS ABANDONÁ-LOS, tendo a opção, ainda, de DEVOLVER o animal, em caso de desistência da adoção. A atriz Ana Markun, na época casada com o ator Heitor Martinez, adotou o Chokito nessa pet shop, onde era conhecida, para fazer companhia a suas filhas, assumindo todos esses compromissos, os quais nunca cumpriu. Ela afirmou que telaria as janelas da casa, para que o Chokito não fosse para a rua, e nunca fez isso, deixando o gato ter livre acesso à rua, como se fosse um gato sem dono, um gato abandonado (mas sua protetora só ficou sabendo desses detalhes quando salvou o Chokito, pela segunda vez). Quando Ana Markun se mudou, deixou o gato na rua. A protetora dele só ficou sabendo do ocorrido porque antigos vizinhos entraram em contato com a pet shop na qual ele havia sido adotado, informando que o Chokito estava largado na rua, ao relento, e sofrendo maus-tratos. Avisada disso, sua protetora foi até a rua onde Ana morava, pegou o Chokito e levou-o para casa. Ela acabou desistindo de doar o gato para outra pessoa, tamanha a desilusão causada por Ana Markun, que ABANDONOU O GATO, além de ter desonrado um compromisso assumido no processo de adoção, demonstrando que, além de não respeitar os animais, não tem palavra, e também não respeita os seres humanos. Como protetora dos animais, cidadã responsável e administradora desse blog, resolvi, POR MINHA PRÓPRIA CONTA, que o Chokito, APESAR DE TER SIDO ADOTADO POR SUA PROTETORA, e estar, desde de 2007, protegido e bem tratado, vai continuar nesse blog, enquanto ele existir, como exemplo de tudo que combatemos e abominamos no trato com animais e pessoas: falta de solidariedade, de generosidade, de ética, de respeito à vida, de honrar com a palavra e com compromissos assumidos. O que Ana Markun fez, acima de tudo, foi um péssimo exemplo para as próprias filhas, e para a sociedade em geral. O Chokito só sobreviveu graças aos vizinhos da referida atriz, que pediram socorro para ele. Caso contrário, ele, provavelmente, não estaria vivo e saudável, na casa de sua protetora. Que o seu sofrimento não tenha sido em vão, e que todos os animais abandonados tenham a ventura de encontrar em seus caminhos seres humano dignos e de bem.

Anúncios

64 pensamentos sobre “Chokito: exemplo de uma péssima adoção, mas que conseguiu ser salvo por sua protetora

  1. adote disse:

    1. Denise – Dezembro 6, 2007[Edit]
    Este é o gatinho lindo abandonado pelo casal de atores, né ?
    Quanta maldade !!!
    Nem dá pra acreditar que alguém viva com um animal e depois o abandone…
    Boa sorte para o pequeno !

    2. Paula Cardoso – Março 14, 2008[Edit]
    Fiquei apaixonada por ele….
    estou querendo maiores informações pois quero adotar um gatinhoooo

    3. Adriana Minzon – Março 24, 2008[Edit]
    A gente fica a cada dia mais estarrecido. Essas pessoas abandonam o animalzinho como se fossem uma casca de banana.
    Imperdoável!

    4. Anabela – Março 25, 2008[Edit]
    Ele já conseguiu casa? Se não conseguiu, entre em contato.

    5. lilian de waele mello – Março 25, 2008[Edit]
    É assim que esses atores esperam receber reconhecimento e aplausos?
    Que vergonha e que péssimo exemplo.
    Chokito é lindo,merece alguém especial como ele.
    Boa sorte!

    6. daniela cortez – Abril 3, 2008[Edit]
    vou postar aqui a mesma coisa que postei no blog do ancelmo gois.

    Faço votos que esse casal de monstros seja abandonado pelas filhas e por todos que agora estão próximos(ainda, né. duvido que os amigos conscientes desse casal continuem a amizade depois disso) quando envelhecerem. gente má é assim, ACABA quando envelhece e morre sozinho. heitor martinez e anna markun, que coisa feia. e que casal feio(fisicamente mesmo hehe) também. feio e canastrão. coitadinhas das meninas que nasceram nesse clã infernal, e ainda tiveram o bichinho de estimação tomado delas

    2. Letícia – Maio 8, 2008[Edit]
    Parabéns pelo trabalho de vocês, é maravilhoso!!! Sou apaixonada por esses serzinhos fantásticos que só tem acrescentar na nossa vida!!! Infelizmente não posso adotar nenhum, pois já tenho 4 gatinhos lá em casa … Tenha um ótimo dia!!!

    3. adote – Maio 8, 2008[Edit]
    Valeu, Letícia.
    Obrigada pelo incentivo e por visitar nossa página.

    4. lilian de waele mello – Maio 17, 2008[Edit]
    Oi,Valéria
    Te acompanho a quase um ano ,admiro seu trabalho e sua força.
    Que bom que voce existe na vida de tantos animais não só dos gatos mas de tantos outros animais que ajuda a divulgar em seus e-mails,fazendo a diferença na vida deles. Acompanho também a trajetória do Chockito e acho que talvez assim como na primeira foto do Andrezinho ela não mostra o quão lindinho ele realmente é.
    Mas continuamos na torcida por ele,a sua verdadeira família ainda vai chegar.
    Abs
    Lilian

    5. Mariana – Maio 31, 2008[Edit]
    Eu adotei a Ivy, (http://adotados.wordpress.com/?s=ivy&searchbutton=go%21) que foi “rebatizada” como Helena e, em breve, vou mandar a história do que aconteceu depois da adoção, que é muito bacana. Requinte de passagens hilariantes ! =)
    Mas o que eu queria mesmo dizer é que, antes de adotar Helena, nós vimos o Chokito, ao vivo e a cores, lá no Parque Lage… Minha filha ficou apaixonada e queria porque queria esse menino pra si. Como temos um labrador muito grande (muito mesmo, no limite extremo do padrão da raça, parece um mini-pônei), tínhamos a preocupação com a adaptação: precisava ser um filhote pequeno pra que o Jongo o recebesse.
    Hoje somos uma felicíssima família de quase-quatro-gatos, porque o labrador adotou três os filhotes que nos foram entregues..
    Até hoje, nós lembramos de dois gatos que não pudemos trazer do Parque: uma princesa de pelagem preta, que – segundo a proterora-mor (obrigada, Preci, por vc existir!) – tinha nascido pra ser filha única, e não seria feliz dividindo tanto as atenções, e esse moço, Chokito.
    Além do abandono, nos chocou o motivo do apelido. Deixa estar, jacaré. A caravana sempre passa, a roda gira, etc…
    Ele é um homenzinho do bem, com um olhar que não tem nada de pedinte: cativa pela sinceridade.
    Comemorarei, em grande circunstância, o dia em que esse menino for finalmente pra CASA, assim com maiúsculas.
    Um beijo agradecido a todos que participam desse trabalho tão bacana.
    M.B.

    6. Bia – Junho 24, 2008[Edit]
    Chokito querido, sempre me entristeço com sua história e torço muito para que vc vá para uma família que realmente te mereça. Já mandei uma mensagem de solidariedade a vc para a Patrícia Kogut. Te desejo muito boa sorte!

    7. Luana – Julho 2, 2008[Edit]
    Que crueldade!
    Daqui a pouco o casal estará abandonando as filhas!!!
    Quem abandona animal, abandona até a vida!!!
    Ainda bem que o Chokito foi salvo e está seguro à espera de um lar DIGNO!!!
    Parabéns pelo ato de amor pelo Chokito e outros animais resgatados!

    8. luciana – Julho 29, 2008[Edit]
    tenho um gatinho que adotei com vocês o beni e um outro que me deram e estava detonado e hoje é um gordo,fofo e folgado.Não pensava em adotar outro porque três talvez seja complicado,mas morro de pena do chokito,então gostaria de saber como é o temperamento dele já que tenho outros dois gatinhos

    9. adote – Julho 30, 2008[Edit]
    Oi Luciana
    O Chokito é dócil e está muito carente.
    Já mandei um e-mail pra você.
    bjs

    10. juliana – Setembro 4, 2008[Edit]
    Espero que esses dois atores medíocres caiam na obscuridade… Alias, pensando bem, quem são essas pessoas?

    Chokito vc é fofo demais.

    Responder
    2. lilian de Waele Mello – Outubro 2, 2008 [Edit]
    Oi Valéria,
    De repente uma foto com um novo angulo,mostre a real ternura dele.Assim como a nova foto do Andrezinho ajudou na sua adoção.
    Continuo divulgando esse pequeno sobrevivente.
    fica com Deus.
    Lilian

    Responder
    3. Laura – Outubro 15, 2008 [Edit]
    Oi VAléria,

    Como está o Chokito? Ele ainda está para adoção?

    Um abraço, Laura.

    Responder
    4. adote – Outubro 16, 2008 [Edit]
    Oi Laura
    O Chokito ainda está para adoção.
    Ele está muito carente, precisando demais de colo e carinho.
    Um fofo.

    Responder
    5. Daniela – Outubro 27, 2008 [Edit]
    Oi Valéria,
    ainda estou espantada com essa terrível história…
    com tantas pessoas querendo adotá-lo aqui pq ele ainda não foi?
    bjãooo
    Daniela mãe do Leo

    Responder
    6. adote – Outubro 27, 2008 [Edit]
    Oi Dani
    Às vezes as pessoas escrevem e não fazem mais contato, às vezes desistem de adotar por algum problema inesperado etc.
    Pode crer que ele não foi adotado ainda porque não apareceu um adotante com firmeza e decisão, e que seja amoroso e responsável.

    Responder
    7. Patricia – Dezembro 10, 2008 [Edit]
    O Chokito já foi adotado?

    Responder
    8. adote – Dezembro 14, 2008 [Edit]
    Não, Patrícia.
    Se estiver interessada, entre em contato com a Dra. Preci precih@terra.com.br

    Responder
    9. Karen – Julho 17, 2009 [Edit]
    oi gostaria de saber se o chokito já foi adotado , pois fiquei comovida com a história dele , e nem tem como saber se já foi adotado pois as postagens não são rescentes.

  2. Miss Me disse:

    fui alertada desse absurdo por minha amiga gatófila como eu Deninha, vou tentar ajudar ( infelizmente não posso pegar pra mim… =( )

  3. Sandra disse:

    O Chokito foi adotado?

  4. Rosana disse:

    Oi Gostaria de saber se o gatinho chokito já foi adotado?

  5. adote disse:

    Oi Rosana
    O Chokito vai ficar com a protetora dele, e não vai mais ser doado.
    Ele permanece aqui como um símbolo da irresponsabilidade e da crueldade de alguns “cerumanos”, no caso, um casal de atores de televisão, que deveriam ter umas aulas de ética, cidadania, solidariedade, responsabilidade, afeto, respeito à vida etc.

    • Rosana disse:

      Fico muito feliz por ele ficar com a protetora dele.
      Fiquei muito indignada com a história desse gatinho, que nao teve culpa da incopetencia desses atores como casal e pessoas. Espero que o chokito esteje feliz com o novo lar dele. Meu cachorro tb foi adotado de um casal que nao o queria mais. Mais pelo menos eles tiveram a dignidade de encontrar um novo lar para ele. Já é um trauma para o animal trocar de dono, imagina ser abandonado, jogado fora de uma hora pra outra, como fizeram com o Chokito.
      Mas eu espero que eles tenham o troco logo, logo.

  6. armahel disse:

    Oi.É impressionante o que alguns fazem com os animais. São simplesmente tratados como mercadorias, enjoam e jogam fora.É um absurdo. Ainda bem que existem pessoas que se preocupam. Eu adotei minha linda gatinha fazem quatro anos e ela é tudo pra mim(até me emociono),ela é minha amiga, companheira. Inclusive o meu blog tem o nome e várias fotinhas dela. Não a deixaria por nada neste mundo e quando tiver minha casa ainda quero adotar mais gatinhos pois sou apaixonada por eles e tem muitos necessitando de um lar. Parabéns pela iniciativa.

  7. ana disse:

    Nunca foi abandonado esse gato!!!!!!Foi enjaulado pelas protetoras do parque lage!!!!Hoje ele está de volta ao local onde ele queria!!!O prédio de onde ele morava!!!Ao lado do parque lage!!!Foi solto da gaiola e voltou para casa!!!!!!!!!!!NÃO JULGUEM SEM SABER A REAL HISTÓRIA!!!!!!!

    • Preci disse:

      A REAL HISTÓRIA DE CHOQUITO
      Choquito foi colocado para adoção quando bebê, numa ampla gaiola em uma Pet Shop, como ocorre com todos os filhotes para adoção. Foi adotado por Ana que se comprometeu a colocar rede de proteção em seu apto para impedir que o animal tivesse acesso a rua. Animal na rua é sinônimo de envenenamento, atropelamento e doenças. Além do mais é considerado caso de saúde pública podendo ser capturado e levado para o Centro de Zoonoses (CCZ). No CCZ frequentemente é sacrificado. Infelizmente a adotante nunca impediu que Choquito fosse à rua. Quando Ana se mudou do predio, os vizinho avisaram que o animal, abandonado sim!, perambulava pelas ruas e sendo maltratado. Comprovando o total desinteresse e desinformação de Ana informo que: 1. Chokito foi resgatado da rua em 2007, por mim, e desde então tem um lar aonde está protegido e feliz. 2. A única protetora do Pq Lage era eu e como relatei no inicio o animal foi colocado em gaiola apenas para adoção quando bebê.

  8. Deborah Maria Kroper disse:

    O casal de atores deveria ser abandonado no meio do oceano para morrerem afogados, ou devorados por tubarões. Gente desta espécie não merece viver. Fiquei sabendo que a maléfica da Ana está sendo sondada para participar da Fazenda 4. Se realmente ela participar serei a primeira a votar pela saída dela. Ela não merece receber prêmio algum. VAMOS VOTAR PELA SAÍDA DELA.

  9. Tive um cachorro que peguei nesta mesma situação. Casal de vizinhos se separaram e deixou o cachorro. Anos depois, quando ele morreu velhinho minha mãe ligou pra ex “dona” dele pra avisar e ela, acredite se quiser, em seguida ofereceu seu “atual” gato pra minha mãe…

  10. Valentina disse:

    Se ele não foi abandonado sra Ana, por que não voltaram para buscá-lo???

  11. Priscila disse:

    A REAL HISTÓRIA DE CHOQUITO 2
    O que posso dizer é que trabalho há anos com projetos sociais e ambientais, já trabalhei com algumas das maiores e mais respeitadas ONGs do país, como os Doutores da Alegria e o AfroReggae, e sou realmente apaixonada por animais. E, por acaso, não por causa do meu trabalho social, conheço pessoalmente a Ana Markun e o Heitor Martinez e acho inacreditável alguns comentários que li aqui. Tenho amigos equivocados, que são meus amigos porque gosto deles e não porque são excelentes seres humanos, mas sem dúvida nenhuma não é o caso deles. A Ana e o Heitor são excelentes seres humanos. Educados, generosos, se preocupam com os bichos, com a natureza e com os seres humanos. Mais uma vez quero deixar claro: não estou falando isso pq são meus amigos, mas é pq é o que eles realmente são. Conheço os dois há anos. Já vi a Ana parar toda a vida para cuidar de um cachorro que ela encontrou na rua, o heitor é uma das pessoas mais generosas e educadas que eu já conheci. Enfim, não sei o que aconteceu em relação ao Choquito. Provavelmente estava fora do país trabalhando em projetos sociais quando isso aconteceu pq realmente não soube de nada. Tb não estou dizendo que a protetora de animais está mentindo. Muito pelo contrário. Não acredito que uma pessoa que dedique a vida para cuidar dos animais, uma atitude tão nobre, invente uma história. Acredito apenas que deve ser um mal entendido. O que posso dizer com toda a certeza é que os dois são excelentes seres humanos. Podem acreditar. Obrigada e um abraço em todos.

  12. […] Markun é capaz de maldades imensuráveis sengundo alguns, entre elas abandonar um gato. Clique aqui para saber a história […]

  13. adote disse:

    A ÚNICA HISTÓRIA DO CHOKITO – FINAL DA HISTÓRIA

    Priscila
    Não houve mal-entendido algum no que se refere à péssima adoção do gato Chokito. A história ÚNICA E VERDADEIRA é simples assim: Chokito foi abandonado num Parque da cidade, e resgatado a tempo pela médica imunologista Dra. Preci Ghromann, profissional respeitada na área acadêmica, e também defensora dos animais séria e atuante, que fazia um trabalho voluntário nesse parque. Digo a tempo porque os filhotes de gato abandonados naquele parque morriam, invariavelmente, se não fossem rapidamente resgatados. A referida médica e protetora dos animais tinha uma parceria com uma pet shop da área, que expunha os filhotes para adoção, num gaiolão espaçoso e confortável, onde os gatos eram doados mediante critérios rigorosos de adoção responsável, e os adotantes se comprometiam a tratar os gatos com respeito e carinho, não permitir seu acesso à rua (onde ficam à mercê de doenças fatais, atropelamento, envenenamento, crueldades etc.), e JAMAIS ABANDONÁ-LOS, tendo a opção, ainda, de DEVOLVER o animal, em caso de desistência da adoção. Ana Markun adotou o Chokito nessa pet shop, onde era conhecida, para fazer companhia a suas filhas, assumindo todos esses compromissos, os quais nunca cumpriu. Ela afirmou que telaria as janelas da casa, para que o Chokito não fosse para a rua, e nunca fez isso, deixando o gato praticamente solto o tempo todo, como se fosse um gato sem dono, um gato abandonado. Quando ela se mudou, deixou o gato na rua. A protetora dele só ficou sabendo do ocorrido porque antigos vizinhos entraram em contato com a pet shop na qual ela havia adotado o gato, informando que ele estava largado na rua, ao relento e sofrendo maus-tratos. Avisada disso, sua protetora foi até a rua onde Ana morava, pegou o Chokito e o levou para casa. Ela acabou desistindo de doar o gato para outra pessoa, tamanha a desilusão causada por Ana Markun, que ABANDONOU O GATO CRUELMENTE, além de ter desonrado um compromisso assumido no processo de adoção, demonstrando que, além de não respeitar os animais, não tem palavra, e também não respeita os seres humanos. Como protetora dos animais, cidadã responsável e administradora desse blog, resolvi, POR MINHA PRÓPRIA CONTA, que o Chokito, apesar de não estar mais para adoção, vai continuar nesse blog, enquanto ele existir, como exemplo de tudo que combatemos e abominamos no trato com animais e pessoas: falta de solidariedade, de generosidade, de ética, de respeito à vida, de honrar com a palavra e com compromissos assumidos etc. O que Ana Markun fez, acima de tudo, foi um exemplo horrível para as próprias filhas, que aprenderam em casa o que não se deve fazer em hipótese alguma. Essa cidadã pode continuar passando uma boa imagem em outros blogs, sites, jornais, revistas, televisão, para os amigos, para quem quiser, pois sua vida em nada nos interessa. Mas aqui ela sempre será o que foi, desde o início da vida desse inocente animal: cruel, irresponsável, insensível. O Chokito só sobreviveu graças aos vizinhos da Sra. Ana Markun, que pediram socorro para ele. E ela ainda tinha o recurso de ligar para a protetora do Chokito e devolver o gato, uma atitude não propriamente admirável, porém mais digna e humana do que largá-lo na rua. Mas nem a esse trabalho ela se deu. Se ela e Heitor Martinez são seus amigos, aproveite para tentar passar umas idéias boas pra eles, sobre honradez e respeito à vida, tanto a dos animais como a de seres humanos, inclusive daqueles que se dedicam a tentar zelar por esse nosso tão maltratado planeta, defendendo a integridade e os direitos dos animais. E, mais que tudo, peça a eles que NUNCA MAIS adotem outro animal, pois nenhum ser inocente merece passar pelo que o Chokito passou. Animais não são brinquedos, são vidas, e merecem respeito. O comentário anterior feito por Ana Markun é tão descabido que, por si só, já demonstra o desrespeito com que ela sempre tratou esse gatinho, já que ela diz que ele voltou para onde ele sempre quis estar. O que ela quis dizer com isso: que ele sempre quis voltar para a rua e para o abandono, onde os animais são vítimas de todo tipo de perigo e crueldade? Comentário infeliz e totalmente sem noção. Eu, que frequento a casa da protetora do Chokito, vejo o quanto esse gato é dócil, carente, querido, e imagino o quanto ele deve ter sofrido na rua, onde estava sendo maltratado e escorraçado, segundo dito pelos vizinhos e visto pela Dra. Preci. Eles podem ser seus amigos, mas, o que eles fizeram, foi VERGONHOSO E DEPLORÁVEL. E a única preocupação da Sra. Ana Markun é que o nome dela continua na internet, vinculado a esse triste acontecimento, por causa desse blog. E, por mim, vai continuar, pois pessoas públicas não podem dar exemplos horríveis e condenáveis como esse, e permanecer impunes, como se nada de errado tivessem feito. A indignação das pessoas que comentam nesse blog é mais do que justificada, pois gente de bem não compactua com crueldade contra animais.
    Atenciosamente
    Valeria Serra Cordeiro

  14. Miriam Braschi disse:

    Essa gentalha que abandona assim um animal de estimação so podem ser um par de fracassados.

  15. Rosana disse:

    Esta verdadeira história deveria ter enviada a produção do programa ( detestável porém na midia ) A FAZENDA, pois segundo uma pessoa em comentário no Face, esta senhora “Ana” estará neste programa

  16. Marina Snow disse:

    acabou isolada em uma fazenda estranha e fora da realidade, até visual, e esquecida. Taí a única coisa pela qual eles conseguem ser lembrados: abandono.

  17. Juliana disse:

    Vamos fazer a maior campanha pra divulgar essa historia e tirar essa pessoa, ser humano, gente, homo sapiens (estes sao os maiores xingamentos, pois nao ha especie no mundo pior que essa praga) desse programa. E ja comecou a mostrar o mau carater que tem, falando mal dos outros que nem estao la para se defender. Oooo gentinha pequena. Que saia logo e que esta historia se torne notoria.

    Parabens as protetoras e obrigada por salvar o Choquito. Deem um beijinho nele por mim!! =)

  18. Juliana disse:

    Maus-tratos contra animais nao humanos (e por maus-tratos incluo promover suas mortes para alimentar-se deles… bizarro, nao??) tinha q ser punido com pena de morte sob tortura pra esses filhos de uma humana verem oq eh “bom”.

    safados!!

  19. Rose disse:

    Essa atriz medíocre nunca vai ganhar o reality,além de não merecer,pois por abandonar um animal da pra ver que não presta,foi abandonada pelo marido e despejou no gato suas frustações é uma porcaria de atriz,nunca ouvi falar dela!!É fazendeira da semana,mas logo vai rodar!!

  20. Catharina disse:

    O sentido que a Ana quis dar a palavra “enjaulado” nunca aconteceu. O gato esteve em um gaiolão durante o período em que aguardava adoção. Atualmente ele é feliz, sim, mas não nas ruas e sim dentro de uma casa com a sua protetora. Lamento profundamente a atitude da adotante, penso que cada um de nós age conforme o seu caráter, seu comprometimento com o mundo em que vive. Acredito na lei implacável do retorno, a lei da física, tudo que vai retorna com igual ou maior intensidade.

  21. Bia Borges disse:

    Valéria,

    Mandou muito bem! Adorei!
    Bjs

    Bia

  22. Luiz disse:

    É o caso de bombardearmos o site da produção da Fazenda, Twiiter e tudo mais pra essa Ana Markumba sair da mídia bem por baixo, como ela merece. No que depender de mim essa pessoa (?) não arruma mais emprego nem no pornô. Vamos? Eu já comecei minha parte.

    A propósito, eu acho que ela vai querer processar o blog, mandar tirar posts do ar etc. Como tudo o que foi dito é verdade, tem testemunhas etc., não tirem não, se for o caso peçam ajuda pra todo mundo espalhar também por mais sites, Orkut, Facebook e outros. Ela que prove sua inocência – inexistente. Não se deixem intimidar.

    • Nilma disse:

      Os comentários de falar para alguém nem arrumar emprego é meio pesado. Melhor seria dizer que se ela fez algo assim que hoje esteja melhor para compreender o feito. Com violência, pragas não se melhora o mundo. Torça para que todas as pessoas que fazem algo de cruel com crianças, idosos, animais, desprotegidos em geral possam em algum momento perceber que é um erro não amara, não cuidar dos vulneráveis.
      O mundo está tão violento, perigoso, cruel, vamos mudar algo sem rancores, sem ameaças, julgamentos, espalhando bondade.

      • Rafael disse:

        Pesado é abandonar um animal indefeso à própria sorte, dar esse bom exemplo para as próprias filhas e absolutamente NADA acontecer com ela, apesar de ser um crime tipificado.

  23. adote disse:

    Nilma
    Aqui não fazemos julgamentos nem ameaças, expomos fatos comprovados, simples assim. Temos nossa opinião sobre pessoas que cometem delitos (sim, delitos, pois maus tratos a animais é crime tipificado em lei federal, Lei 9.605/98, artigo 32, que prevê, inclusive, pena de prisão de até um ano). Já disse e repito: a vida dessa senhora em nada nos interessa, esse blog existe para ajudar animais vítimas de abandono a encontrar lares responsáveis. A indignação das pessoas é justificada, já que a mencionada senhora não precisava abandonar o Chokito, porque, inclusive, tinha a opção de devolvê-lo. Se a pessoa em questão aprender a ser uma pessoa melhor, que ótimo para ela e para o mundo. Pelo comentário que ela mesma fez, cheio de rancor e falsidade, parece que ela não mudou nada. Quanto ao comentários mais ácidos, são compreensíveis, uma vez que o ato cometido foi bastante vil e cruel, e é normal que cause indignação. Quem sabe você escreve para essa senhora e tenta passar uma mensagem de bondade para ela? Eu lhe desejo boa sorte.

  24. Viviane disse:

    Pq alguem que se diz amiga do casal mas que nem estava no país na época do abandono do gato vem postar opinião aqui? “Não sei o que ocorreu, mas (…)” Mas poderia calar a boca…se não sabe o que ocorreu e confia nos seus amiguinhos e tb confia que um protetor quer o melhor pelo animal, pq opina? Detesto quem quer colocar panos quentes em fatos tão absurdos e óbvios. O gatos surgiu de onde se estava bem na casa deles? Ele voou pela janela? Foi abandonado e ponto final. E chega de hipocrisia! Ter os erros apontados na cara incomoda? É só pensar antes de cometer uma barbaridade dessas! Agora aguentem!

  25. lilian disse:

    Se preocuparam com o Chokito ?Bons seres humanos…..Pode até ser….
    Então porque não tentaram encontrar um adotante para ele enquanto estava no site,ou ao menos foram visitá-lo?
    Não conheço o casal,mas conheço o trabalho da Valéria e posso garantir que é uma pessoa maravilhosa e que graças a ela o anjinho do chokito está bem.

  26. adote disse:

    Lilian
    O Chokito está nesse blog desde o ano de 2007, quando foi abandonado, na rua, pela atriz em questão. Durante esses cinco anos, nem a atriz, nem seu ex-marido, ou seus amigos, admiradores, ou sei lá mais quem, comentou nesse blog, perguntou onde o gato estava, se estava vivo, com saúde, se estava bem. De repente, CINCO ANOS DEPOIS, a referida atriz aparece num reality show, pra ganhar um troco, ou seja lá por que motivo for, e o post do esquecido e abandonado CHOKITO virou um campeão de audiência! Engraçado, né? Antes, o gato não existia, não importava, agora o assunto passou a interessar a um monte de gente que NUNCA frequentou esse blog. Todos cheios de argumentos e razões, todos bondosos e voluntários em grandes causas. Eu resolvi manter o Chokito nesse blog, não para chamar atenção de ninguém, da mídia, ou de quem quer que seja. Eu o mantive aqui para que o sofrimento dele NÃO SEJA ESQUECIDO, NÃO SEJA EM VÃO! Não queremos passar imagem de bonzinhos, não queremos brigar com ninguém, quem começou essa série de mensagens rancorosas foi a própria atriz, dizendo que “o gato voltou para onde queria”, ou seja, segundo ela, ele queria ir pra rua! Quem nos chamou de mentirosos e mal-educados foram ela e seus amigos, que nunca apareceram nesse blog nesses anos todos. Se essa atriz quer passar uma imagem de boa moça na mídia, que o faça, a nós pouco importa! Que apareça e ganhe seu troco, já que outros valores parece não ter. Apaguei e apagarei todo comentário tolo, tendencioso, cujo único intuito é polemizar negativamente e tentar melhorar a imagem da concorrente do reality show. Quem não gosta desse blog, o que vem fazer aqui? Porque não vai comentar nos blogs que aprecia, onde frequentam pessoas com as quais se identifica? Porque não vai frequentar os blogs e facebooks das pessoas que considera boas, e virtuosas, e valorosas? Deixem o Chokito em paz, deixem os gatos abandonados em paz, deixem que façamos nosso trabalho em paz! Nosso intuito é conseguir ADOÇÕES RESPONSÁVEIS para animais vítimas de abandono e crueldade, como foi o caso do Chokito. NÃO PRECISAMOS PASSAR IMAGEM DE BONZINHOS NA MÍDIA, NA NET, EM LUGAR ALGUM. Nós fazemos um trabalho, NÃO VIVEMOS DE IMAGEM, não precisamos disso e nem queremos. Vão fazer comentários no site do reality show da atriz, façam elogios a ela por lá, esqueçam esse blog. Aqui não há lugar para feira das vaidades, para brigas de egos. Aqui trabalhamos duro para conseguir ADOÇÕES RESPONSÁVEIS para animais inocentes, que já tiveram seu quinhão de sofrimento. Vão aparecer em outro lugar, aqui as estrelas são OS GATOS.

  27. Marina e JãoJão disse:

    Desde qd li esse post em 2008 q nunca esqueci e sempre conto. Tanto q é bookmarcado. Qd a reconheci no reality (pq só reconheço mesmo o ex) retornei para confirmar. Ódio aos animais deve ser evitado e jamais esquecido. Como guerras e perseguições para q ñ ocorram novamente. Por favor, jamais retirem esse post!

  28. Paula disse:

    Eu não li tudo, por falta de tempo, mas gostaria de saber se ele foi adotado ?????

    Obrigada.

  29. Melissa Mell disse:

    Gente, se me permitem uma sugestão, façam um Update no texto contando que ele foi adotado. Recebi isso hoje, propaguei e depois recebi mensagens dizendo que ele já foi adotado.
    Seria legal essa informação estar em destaque, para que todos saibam o desfecho e que essa força seja canalizada para outros gatinhos sem casa.:)
    Se puder colocar uma foto dele hoje, com carinha mais feliz, nossos corações agradecem.
    Bjs e parabéns pelo trabalho.

  30. Valeria, muitas pessoas estão achando que o Chokito não foi adotado ainda, e divulgando isso, já que não olharam os comentários. Seria interessante colocar só um update embaixo do texto, não? Dizendo que ele já foi adotado. No mais, tenho 8 gatos na minha casa. Sou fã do trabalho de vocês. E acho muito absurdo nego vir defender a amiguinha que largou o Chokito no meio da rua. Sou o tipo de pessoa que se tivesse um tipo de “amiga” dessa, NUNCA iria defendê-la. Não me interessa o quão amiga minha é, maltratou animal, passa de amiga a inimiga imediatamente.

    Beijos a todos.

    Isabela Silvino

  31. adote disse:

    Pessoal
    Amanhã vou atualizar esse post do Chokito, com um texto atual e explicativo sobre a atual situação dele, e tudo que lhe aconteceu (resumidamente). Obrigada pela dica.

  32. Jane Almeida disse:

    Ontem, 23/08/2001, deparo-me com a seguinte cena. A atriz aos berros com uma cabrinha, visivelmente encurralada e em panico pq nao conseguia entender q era para passar numa porteira.,
    Não satisfeita, a atriz “ajuda” a entrada do animal apavorado, com o pé.
    Enviei email pra tal produção.
    Recuso-me a assistir tamanha bestialidade.

  33. adote disse:

    Isso porque os amigos dela mandaram trocentos comentários (muitos ofensivos, inclusive, e me rogando praga), afirmando que ela “ama” animais. Imagina se não amasse. Ah, vai ver ela “pensa” que cabra é vegetal…

  34. Preci Haydée disse:

    O Chokito está comigo desde 2007 e está muito bem. Logo no inicio tentei doa-lo novamente por isto coloquei no site. Com o passar do tempo decidi ficar com ele para não estressa-lo com mudanças de endereço, costumes, etc Ele se dá bem com os outros gatos embora as vezes saia uma briguinha, coisa de macho principalmente aqueles que foram castrados tarde. Lambe os amiguinhos e quer carinho toda hora, carência tipica de quem foi abandonado. Gosta muito de conversar com gatos e humanos.

  35. Angela Fada Azul disse:

    É incrível como pessoas não tem senso de responsabilidade.Se faz isso com animal, faz com gente.E um dia,velhinhos,que os filhos os coloquem num asilo.Com certeza se lembrarão disso.

  36. Gragra disse:

    Nossa, mas essa atriz não merece nem ganhar essa fazenda, tratando mal o bichinho, ela merecia, uma punição, que alguém a denunciasse assim que saisse na fazenda, que pague voluntariado em uma Pet Shop, ou melhor ser presa!

  37. CAROLINE disse:

    Pessoal vamos divulgar para todos!!! Os animais também tem sentimentos.Se faz isso com animal, faz com gente tb,eu tenho 4 gatinhas e 3 adotadas, são lindas,bem cuidadas e todas castradas,a minha mais velha vai fazer 15 anos no mês de outubro,ela e minha vida!

  38. Maria disse:

    Também peguei um gato abandonado na rua. Segundo os vizinhos, a atriz Carolina Chalita, seu marido e filho, viajaram para a Europa e largaram o bicho na rua. Quando voltaram, resolveram deixá-lo “livre”. O gato vinha sofrendo muito, e permanecia em frente à casa da atriz. Quando soubemos da história dele, eu e meu marido resolvemos pega-lo, apesar de já termos 3 outros gatos. Ele estava com as orelhas repletas de ácaro, com sequelas de uma rinotraqueíte, magro. É um gato muito doce e lindo! Deu muito trabalho, mas valeu a pena. Ficamos muito trsites com histórias de abandono. Um gato que é pego por uma família, passa a ter conforto e segurança numa casa ou apartamento, não deve ser largado na rua.
    Quanto à Anna, percebo que ela grita muito com os bichos na Fazenda, parece muito nervosa em lidar com eles. Como diz a Joana, tem gente fingindo que gosta de bicho – a Anna!

    • Regina disse:

      Mas os amigos desta senhora dizem que ela “ama” animais… Pois é, tem gente que diz que ama, mas na realidade odeia, só quer se passar por “gente boa” iludindo a todos. Agora me diz, se na frente das câmeras age assim com os bichos, imagina por trás, sem ninguém ver…? Coitada, penso que o mais importante dos papéis ela não tem competência para interpretar: que é o do respeito a todo tipo de vida, mas quem sabe, talvez, num futuro não muito longe (tomara!), consiga…
      Para evitar casos assim com meus resgatinhos, além da entrevista e confirmação da telagem de toda a residência, o provável adotante assina um termo de responsabilidade com várias cláusulas, que caso não sejam cumpridas tenho como acioná-lo judicialmente.

      PS: “… não deve ser largado na rua” não, quer dizer não deve ser largado/abandonado nunca né!

  39. Maria Cristina Machado disse:

    Como esta TAL ATRIZ tem filhas, ela que se prepare para ver suas filhas sofrendo muito mais do que sofreu o CHOKITO, pois da LEI DO RETORNO, ninguém escapa, já soube de muitos casos de pessoas que judiaram de animais e pagaram com seus próprios filhos, não posso dizer humanos e sim desumanos, pois filho de peixe, peixinho É…

  40. Maria Cristina Machado disse:

    Inclusive estas mulheres que usam estes programas tipo “A Fazenda” para se lançarem no mercado, normalmente são pessoas problemáticas, mal amadas, mal resolvidas, frustradas e principalmente sem profissão. Eu nunca tinha ouvido falar desta pessoa. Fiquei sabendo agora lendo o ocorrido com o CHOKITO. Que bom que ele acabou se livrando de viver com pessoas desse nível. Normalmente essas mulheres são semi-analfabetas e nem sabem cuidar de animais. Passaram fome na infancia e são pessoas FRIAS e MÁS” Fico na torcida sua psedo atriz para que voce pague bem caro o mal que causou a esta criatura que com certeza é bem melhor do VOCE!!!

  41. duin disse:

    parabéns pelo trabalho, isso me emociona muito mesmo… estou interessado em adotar uma gatinha, pois há algum tempo minha ultima faleceu ( e a gente sempre vem com auquela história de “nunca mais vou ter um gato” por conta da tristeza de perder alguem tão importante), moro no rio de janeiro e tenho p´referencia por castradas ( mas é só por comodidade mesmo rs), se souber de alguem, me aqvise duin.rafah@hotmail.com

  42. Denise disse:

    O casal que, inicialmente, adotou o Chokito não é capaz de cuidar bem nem das próprias filhas, que dirá de um gatinho.
    Já vi as meninas andando em Ipanema e pareciam duas mendiguinhas, sujas, descabeladas, só de calcinha. Depois é que percebi que o pai (que estava ao lado delas) era esse atorzinho.
    Parabéns à pessoa bacana que o adotou depois da primeira adoção desastrosa.

  43. Nicolle disse:

    Tem como entrar em contato com vcs???telefone ou celular??

  44. Eleda Catarina Vieira disse:

    Encontrei uma gatinha na minha rua, levei no Veteri nário, castrei, vacinei vermifuguei, e agora ela está na mimha casa. Ñ posso ficar com ela pq meu marido ñ quer. Sabe como eh, um bichinho em casa, todos precisam gostar e querer. Gostaria de colocar para adoção, mas com toda a certeza que ela será bem cuidada e mt amada. Ela eh mt dócil e carinhosas. Gostaria de saber se vcs aceitam a gatinha, para tentar uma adoção para essa menina!!! Meu E-mail eledaschell@gmail.com

  45. jessica disse:

    fiquei com muita mas muita pena do gatinho perfurado chorei muito quando vi eu ja tenho um gato quero que meu pai adote um desses dai

  46. jessica disse:

    so tenho 8 anos mais sei o que esse gato passo 😦 to muito triste o q aconteceu com ele

  47. rebeca disse:

    quero adotar a penelopi charmosa não sei se vou adotar mais…… vamos ver???

  48. rebeca disse:

    que pecado todos os gatinhos mal tratado quemm fez isso vai pagar caro…estou revotada portudo…

  49. anna gabriela holanda disse:

    tenho 4 gatinhos para doar quem quiser um ligue para o numero 3333 5676 eles foram larga dos dentro de uma caixa de sapato e já tenho 3 gatos e nao posso adotar mais 4 quem queser

  50. Danielle disse:

    Olá tenho muito interesse em adotar as gatinhas brancas femeas, se puder entra em contato comigo, toyosaka_1@hotmail.com

  51. Laiza disse:

    São lindos os seus bichinhos! Nunca gostei de gatos, até que há 2 meses atras quase atropelamos uma gatinha na rua e ela estava tão assustada, magrinha e cheia de pulgas que fiquei apavorada e adotei. Desde então ela é uma filha que faz cia ao meu cachorrinho também filhote… e nos dá muita alegria.
    Estou em busca de um macho filhote também, já enviei email pra vcs. Espero retorno! caso alguém saiba e queira entrar em contato também, meu email é lalivgm@gmail.com.
    bjs, Laiza

  52. GISELE LIMA disse:

    Boa Tarde, Pessoal! Estou adotando duas gatinhas filhotes. Vocês poderiam ajudar a divulgar?!

  53. Débora Antunes disse:

    Estou doando um gatinho Persa igual o Garfield. Quem tiver interesse (21) 98301.0129

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s